Inês de Castro

A 7 de Janeiro de 1355, o rei D Afonso IV mandou executar Inês de Castro, amante do seu filho D. Pedro. Álvaro Gonçalves, Diogo Lopes Pacheco e Pero Coelho levaram a cabo esta cruel tarefa. Aproveitando a ausência de D. Pedro numa caçada, dirigiram-se ao Paço de Santa Clara, em Coimbra e mataram-na.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s